quarta-feira, outubro 26, 2005

NOVO HOSPITAL - Demissões pela causa.

Era de prever que depois das eleições a poeira começasse a sair-nos dos olhos...
Os Directores de Serviço do Hospital Distrital de Lamego resolveram pedir a demissão no momento em que se começa a ventilar a hipótese de já não se construir o Novo Hospital.


Para o Dr. Marques Luís "...o compromisso que o Sr. Ministro assumiu ainda ontem na Comissão Parlamentar de Finanças é que o Novo Hospital continuará a ser uma realidade…”.

Para a Dr.ª Lúcia Marinho “…garantias firmes é ver as máquinas no terreno.”…”existem indícios fortes que nos levam a crer que é muito difícil…ou o processo se reinicia agora com força ou então perdemos o comboio.”

Francisco Lopes garantiu em entrevista à RDS que, depois de tomar posse, a prioridade passará por pedir uma audiência a Correia de Campos para discutir todo o processo.

O Novo Hospital só tem garantias de co-financiamento europeu até 2007…

O comboio está a partir...

10 comentários:

Comentador disse...

Parece que o processo está atrasado por terem de ser feitas alterações ao projecto. depois do projecto de 2002 veio o de 2003 e agora vamos ter o projecto de 2005?Razão tinha este Blog no post de 1 de outubro...

Depois da primeira pedra vem o terceiro projecto!

U_Massa disse...

é... agora com a câmara de côr diferente do governo, ainda há hospital novo por aí em Tarouca (se a câmara lá for PS!)...

Ouro Sobre Azul disse...

Esse tal de Sócrates tem a mania, mas ele não sabe com quem se está a meter. Ele deve pensar que não construir o HOSPITAL DE LAMEGO é a mesma coisa que contruir um aterro ( contra a vontade das populações)em Lazarim.
Só que ele pensa que à frente do proptesto vai estar outra vez o "amigo"Sérgio das finanças. Mas engana-se.
Desta vez as coisas estão a azedar e o caldeirão,Leia-se Lamego, já esta a começar a ferver, E quando entrar em ebulição isto vai ser bonito ai vai vai.

Esse ministro de quinta categoria que não se meta com LAMEGO, só estou a avisar...

OTA disse...

Depois de gasto mais de um milhão de contos em projectos, Estudo de Enquadramento Ambiental, saneamento e abastecimento de água

Depois de colocada a primeira pedra do 2º projecto vamos partir para o 3º projecto? Outra vez na estaca zero...diga lá de sua justiça Prof. Zé António...afinal a sua bandeira estava rota...8 anos...

Provavelmente não teremos hospital...mas aeroporto da OTA não vai faltar. Prioridades...

e.f. disse...

Estas novidades já são "antigas"...já se sabia que não haveria orçamento para o novo hosptal desde Agosto, mas foi tudo devidamente abafado para ganhar eleições.

Correu mal...

Agora mais um projecto. Quanto custa um projecto para um Hospital? 1 rotundão? Uma repavimentação da 5 de Outubro? Quanto custa? Já vamos para o terceiro...

Tempo perdido...

Percursor disse...

É obvio que a dita reformulação do projecto do hospital só tem o objectivo de adiar de novo a construção do hospital ou até parar o processo de vez e nunca mais se construir o hospital!

Isto não é falta de dinheiro, pois se vamos gastar "50 milhoes de euros para aprofundar estudos" para cometer um grande erro nacional chamado OTA, também tem que haver dinheiro para investir onde ele realmente faz falta!

Por outro lado ser verdade a transferência de verbas para o hospital de Braga é ainda mais vergonhoso e discriminatório para a população de Lamego. Nós esperamos por este hospital quanto tempo? 20 anos? Mais? Somos portugueses de segunda?

Só nos resta protestar ao máximo! Lamego tem que se unir por esta causa, pois já deu para ver que esta será a única forma de lutarmos contra estas incompetências e lobbys!

Esperemos que de agora para a frente tenhamos alguém à frente de Lamego que saiba defender, exigir e tomar decisões para fazer frente a estas situações!

PIDDAC dos pequeninos disse...

"74 milhões para 24 municípios

O PIDDAC mais pequeno do Centro


O Programa de Investimento e Desenvolvimento da Administração Central (PIDDAC) para 2006 decresceu 40 por cento no distrito de Viseu, em relação a 2005. Dos 125 milhões de euros inscritos no ano passado, os 24 municípios do distrito vão ter que repartir 74 milhões no decorrer do próximo ano.


Os deputados do PSD eleitos por Viseu também não acolhem com agrado o PIDDAC para a região e apontam como mau exemplo a inscrição de dois milhões de euros para o Hospital de Lamego, quando para o concurso internacional seriam necessários 40 milhões".

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Moderador disse...

O comentário anterior, por ser anónimo, foi apagado. Pede-se a todos que se identifiquem na hora de comentar...

jornal... disse...

Ouro Sobre Azul pois e' tens a tipica mentalidade de lamego meskinha e atrasada esteve o Ps na camara anos e a unica coisa k fez foi atrazar lamego e agora o governo tem cukpa por amor de deus lamego pela mentalidade da maioria das pessoas e' k nao evolui e se torna cada vez mais no k e' uma aldeia enkanto que a' volta tudo vai evoluindo armamar, tarouca sao apenas exemplos. sim lamego devia-se revoltar mas contra si mesma e contra as pessoas k estiveram a' frente da sua camara... pelo dinheiro que deixaram fugir com o Projecto POLIS que numca chegaram a apresentar para ir buscar dinheiro... depois o governo tem de vir ca investir para k ..... aviso quer um aviso mude..... e tente mudar os k o rodeiam para tentar mudar lamego e colocar lamego no mapa pela positiva e nao pela negativa e mediocridade das suas gentes .....
boa mentalidade