domingo, setembro 25, 2005

Estudo Prévio da CIRCULAR À CIDADE






Sem comentários....

21 comentários:

Percursor disse...

Ao olharmos para este traçado salta logo à vista que estamos perante meia circular e não uma circular completa. Esta meia circular, que é a que vai da rotunda de Fafel até à Ortigosa, parece não ser muito má, tirando se calhar pequenos pormenores que poderão ser visíveis ou alterados ainda na fase de projecto. Agora a outra parte a que vai da Ortigosa até ao centro, realmente deve ser requalificada, mas não pode fazer parte da circular…

Se queremos uma circular para o futuro, o resto da circular deveria a partir da Ortigosa passar para o outro lado (Seminário) através de viaduto o mais em baixo possível, para que possa passar por mais habitações possíveis subir por trás do seminário e ligar se possível à rotunda da A24. Por outro lado, da rotunda de Fafel deveria a circular continuar para Medelo e subir por trás dos Remédios ou da Raposeira, atravessar Arneiros, São Martinho e ligar à rotunda da A24. Uma coisa que também se devia fazer era tentar junto dos governos centrais a criação de pelo menos mais um nó na A24. O ideal até seriam um nó para a Ortigosa (nó norte) e um nó para Penude e Arneiros (nó sul).

Metade da solução proposta de construir um túnel nos Remédios para ligar ao Retiro dos Passarinhos e depois continuar pela única estrada existente não resolve absolutamente nada, nem faz sentido nenhum. Só trás desvantagens, gasta-se dinheiro num túnel (poderia ser utilizado para uma parte da circular) vão deitar-se arvores abaixo e criar um cruzamento perigoso com a N2. Este túnel é uma solução só para aparecer nos cartazes e enganar os mais distraídos…

Isto tudo não implica que não se requalifiquem algumas ruas e estradas que estão uma miséria, desalinhadas, sem passeios nem estacionamentos, aliás o que faz mesmo falta em Lamego são a requalificação destas estradas e a criação de ligações entre urbanizações, ás vezes são pequenas soluções que seriam fáceis de fazer… Mas infelizmente as obras não se constroem sozinhas…

Agora eu não acredito que esta câmara consiga fazer esta obra, não acho possível uma câmara que não fez uma única avenida ou arruamento novo em 8 anos (16 anos contando com outra presidência), fazer agora uma circular!

A título de curiosidade, este estudo prévio apesar de ser apresentado como novo, ele já não é novo, já é de 1999 se não estou em erro. Este é uma versão com algumas alterações, uma vez que já se construíram edifícios em locais onde passava a anterior versão. Talvez esta nova versão já tenha um ante-projecto e o anterior não, por isso, apesar de extremamente devagar houve alguma evolução. Ao menos isso…

mata pulgas disse...

muito bem percursor...digo-te, dou-te ja 20 no exame de arquitectura e engenharia verbal........ctg e com os meninos da cu-ligação é tudo fácil!!! tenho pena do figo lopes, pois parece uma pessoa integra, mas a escumalha da equipa dele não me dá garantias nenhuma...é um bom general, mas com tropas muito fracas!!!o meu voto vai ser NULO!!!!!!

Piri...Lau disse...

Disse o percursor :"o resto da circular deveria a partir da Ortigosa passar para o outro lado (Seminário) através de viaduto o mais em baixo possível"

Você já viu o desnível das encostas do Rio Balsemão ?

"Uma coisa que também se devia fazer era tentar junto dos governos centrais a criação de pelo menos mais um nó na A24."

Só mostra que não sabe do que está a falar. Vá falar com o governo central sobre a criação de um novo nó e depois vai ver o que eles lhe dizem.

The Technician disse...

Fantástico, este blog já teve 200 visitas...
Quase tantas como as que o Blog teve hoje de manhã...
E quase tantas como as que foram ontem ao pavilhão de esquina jantar de borla.

Percursor disse...

Em resposta:

"Você já viu o desnível das encostas do Rio Balsemão ?"

Claro que o desnivel é muito grande e dificulta muito, mas a ligação poderia ser transversal ao desnivel, ou poderia o viaduto ser mais alto, etc. Isso só com estudos e projectos é que se acharia a melhor solução, mas não acho impossivel.

"Só mostra que não sabe do que está a falar. Vá falar com o governo central sobre a criação de um novo nó e depois vai ver o que eles lhe dizem."

Não sou eu que tenho que falar com eles, é o presidente ou alguém mandatado.Mas, pelo menos é preciso tentar. já que o presidente não o fez na altura da construção do IP3 que o faça agora. Até lhe digo mais, na altura estava previsto a construção de um nó para a Ortigosa, porque não foi feito?
É claro que culpa foi da antiga JAE, não digo que tenha sido só do nosso presidente, mas se calhar podia ele ter defendido mais esse nó....
Coincidencia ou não Castro Daire tem 3 nós!!!

Paco Naça disse...

Respondendo ao percursor e salvaguardando os períodos em que demonstra claramente a sua tendência contra a actual gestão camarária, concordo com alguns aspectos... contudo parece-me que esta circular que se pretende fazer por agora, não vai anular uma outra que irá que ser feita mais tarde, essa sim passando, não pelo seminário, mas mais além junto a Alvelos estabelecendo uma ligação com a A24 e obrigando á construção de uma ponte que ligue Alvelos à estrada Lamego-Régua; O mesmo acontecerá a Sul da cidade com uma ligação da A24 à estrada que vem de Penude e naturalmente à circular agora prevista. Digamos que teríamos uma CRIL e mais tarde uma CREL (L não de Lisboa mas de Lamego) E isto é possível a médio prazo; basta que o crescimento da cidade o vá justificando. Roma e Pavia não se fizeram num dia.
É preciso acreditar e devemos opinar e manifestar-nos nas alturas próprias, não só
em períodos eleitorais com o desígnio de deitar abaixo uns para tentar fazer subir outros!...

Percursor disse...

Começo por lhe dizer que sim, sou frontalmente contra esta gestão camarária. Não por causa dos partidos nem por nada pessoal contra as pessoas, mas por uma simples razão. Não fizeram nada para o bom e coerente desenvolvimento de Lamego. Só isso.
Também lhe digo que o que aqui estou a dizer já o venho dizendo há muito tempo, simplesmente agora podemos debater as ideias neste blog, que apareceu há pouco tempo. Não defendo os outros, sinceramente nem lhes reconheço grandes competências, mas acho que se houver debate e exigência talvez, sejam eles quem forem, façam aquilo para que são pagos e bem pagos.

Quanto ao que interessa, desculpe contradize-lo, mas não existe nenhum estudo, ou documento escrito sequer onde apareça essa ideia da circular ir a Alvelos ou a Penude, bem bom era que assim fosse. Ainda assim, as duas ligadas nunca seriam uma circular interna e uma externa, seria só uma externa no seu todo.

Por outro lado o crescimento da cidade já exige um solução para ligar o centro e norte da cidade à A24 sem ser por um único acesso. Pelo menos desde que completaram a antiga IP3, em 1998. Tem razão, Roma e Pavia não se fizeram num dia, mas alguma vez se fizeram e aqui já passaram 7 anos e temos ainda só um ante-projecto. É que o anúncio desta circular foi em 1999, serviu as eleições de 2001, agora este ante-projecto vai servir estas, daqui a 4 anos será o projecto? É que depois os fundos europeus vão acabar…

mata pulgas disse...

percursor...se eu fosse a ti, raptava o brinco copes e ia no lugar dele...és mto mais competente do que ele...mas mantêm a escumalha da lista dele, pq sim esses é q são o verdadeiro poder autártico de lamego....espreme-te

Percursor disse...

Pois, o que o Presidente deveria quer dizer é que a suposta circular terá perfil de avenida, auto-estrada não faz sentido nenhum!
Como é que vão fazer uma circular se nem estas pequenas coisas eles sabem...

Eles ainda não deram conta, mas essa avenida já não dá para ser alargada até à Adega, pois não há espaço para alargar porque deixaram construir ao longa da estrada... Mais tarde ou mais cedo dão conta...

Mata pulgas, podes querer que pelo menos era muito mais persistente que eles e não cometia os erros absurdos que eles cometem... Eu acho que até deve ser motivante!!!
Mas repara, qualquer pessoa, eu ou tu, se pensarmos um pouco e observarmos outras cidades que tiveram uma evolução boa, pode perfeitamente fazer os comentários que eu fiz.

Moderador disse...

Peço ao comentador anónimo das 11:43 PM para repetir o comentário escolhendo uma identidade pois, como sabem, neste Blog não aceitamos comentários anónimos.

alguemsabe disse...

"Futura circular à cidade terá perfil de auto-estrada" in site CML....

???? perfil de auto estrada???? não me digam que só vai ter saídas de 40 em 40 kms, com portagens e Via Verde????

"...a profunda renovação da Avenida Afonso Henriques, via que liga o Tribunal de Lamego e a Adega Cooperativa, cujo traçado vai ser alargado e corrigido..." (terá perfil de auto estrada, basta empurrar a Recauchutagem Lameca, alguns prédios, a adega cooperativa e tcharam!!! auto estrada dentro da cidade!!!

Joaquim Sapiência disse...

e viva a ausência de regras castradoras.

e.f. disse...

Este estudo foi divulgado agora para lamecense ver?

Vê-se uma circular à cidade que passa pelo centro! Imaginem a circular de Viseu a passar no Rossio ou a circunvalação a passar nos Clérigos...

Depois 2 faixas para cada lado..."Percursor" quantos metros de largura serão necessários? E depois passa na Avenida como? no Soldado Desconhecido como? As pessoas vão sair de casa e atravessar a auto-estrada para ir tomar café ao 4 Estações?

Vejam o mapa...vejam a largura do risco vermelho...esse risco representa 4 faixas de rodagem, vejam como ele passa do lado esquerdo da Avenida...quantos metros teriam de "roubar à Avenida" para passar 4 faixas do lado esquerdo?

Por Favor ALGUÉM EXPLIQUE! Vejam a Fotografia...foi apresentado o estudo sem pompa nem circunstancia, com o presidente de mangas arregaçadas a olhar para um papel feito à pressão e um crucifixo lá ao fundo? Não acham estranho?

Depois de uma rotunda com um jardim e um passeio, só faltava uma Avenida com uma auto-estrada…PARA TIRAR O TRANSITO DO CENTRO DA CIDADE…

Por favor não nos tentem pôr as palas…

The informer disse...

Clica nela ou pede ao Zé pra te dar um exemplar do "viver lamego"!

Percursor disse...

e.f., penso que cada faixa terá que ter 3,25m ou 3,50m, mas acho que existe um minimo de 3m, mas não tenho a certeza.

É obvio que a parte da circular que neste estudo aparece a passar no centro não faz sentido absolutamente nenhum!!! Que lhe chamem a essa parte, via de ligação entre a circular e o centro, não passa disso, a circular teria que continuar sempre por fora do centro.
Enfim, obras para aparecer nos cartazes...

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Moderador disse...

Desculpem estarmos sempre a repetir...

Por uma questão de princípio NÃO aceitamos comentários anónimos.

Aos anónimos pedimos que criem uma identidade (de preferência que a registem) e que repitam os coments.

Pedimos igualmente que USEM o nosso e-mail. Enviem-nos fotografias da cidade, do que consideram estar bem e mal feito.

Ao enviarem um e-mail ficarão automaticamente na nossa lista de contactos... assim receberão um e-mail cada vez que o Blog seja actualizado.

Uma vez mais OBRIGADO a todos e PARABÉNS pela qualidade dos vossos comentários...

comentador disse...

Diz o percursor: "...a circular teria que continuar sempre por fora do centro." Ok, compreendi...mas não era essa parte (a continuar) que Lamego precisava? A parte que passasse em Penude, Arneirós e ligasse à Rina? e que tivesse ligações à A24?

Percursor disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Percursor disse...

Exactamente, para descongestionar o trânsito essa é a parte mais importante (ligações à A24), que pelos visto não está pensada...

A outra parte pouco trânsito vai tirar ao centro, mas de qualquer forma, e para um melhor crescimento do tecido urbano esta outra parte é muito importante. Em suma o importante é fazerem-se as obras, já agora como e quando são precisas...

O que me preocupa na noticia do JN (além da falta de conhecimento nestas matérias que o presidente demonstra) é que o mesmo já está a dizer que a conclusão disto será daqui a 4 ou 5 anos. Ora isto com atrasos vai demorar varias eleições ainda...

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.