quarta-feira, setembro 20, 2006

CAMPEONATO NACIONAL DE DUATLO

Não houve surpresas no nome dos vencedores do Campeonato Nacional de Duatlo Individual 2006, organizado pela Câmara Municipal de Lamego e pelo Triathlon Lamego Club, com o apoio da Federação de Triatlo de Portugal. Sérgio Silva e Bárbara Clemente sagraram-se, com naturalidade, campeões nacionais da competição realizada a 16 de Setembro último, disputada na distância Standard que compreende 10kms de corrida, 40 kms de ciclismo e 5 kms de corrida. Para além do Nacional Absoluto, também fez parte do programa do evento uma prova aberta aos atletas não federados (na distância Super-Sprint) e o Campeonato Nacional do escalão de Juvenis. Neste último, dois atletas do Alhandra Sporting Clube conquistaram os títulos masculino e feminino. Nadine Almeida e João Amorim foram os autores da proeza. O percurso do Campeonato Nacional de Duatlo Individual desenhado no centro de Lamego permitiu ao numeroso público assistir, desde os primeiros quilómetros, a uma prova muito táctica disputada pelos principais duatletas nacionais. A terminar uma acesa disputa, na corrida final, Sérgio Silva, recente Campeão do Mundo de Duatlo Sub-23, e Alcino Serras geriram a vantagem acabando por chegar à meta separados por poucos metros com a vitória a sorrir ao primeiro. No sector feminino, a principal candidata ao triunfo, Bárbara Clemente, confirmou as expectativas, depois de no ano passado se ter sagrado Campeã Nacional de Duatlo Júnior e Prata no Europeu de Nações. O Campeonato Nacional de Duatlo Individual e Juvenis foi disputado, pela primeira vez em Lamego, passando esta cidade a integrar o roteiro dos mais importantes palcos de realização de provas de Duatlo no nosso país.
Fonte: CML - Site Oficial
Parabéns às entidades organizadoras por apostarem em Lamego para mais um evento desportivo de carácter nacional. Com as infra-estruturas previstas para o futuro próximo de Lamego esperamos não só que mais eventos desta importância possam vir a decorrer na nossa Cidade, mas também que se consigam criar condições para que atletas da nossa região possam despontar a nível nacional.

11 comentários:

WOLF disse...

Como não seria de esperar outra coisa. Aliás Lamego sempre primou por saber organizar e receber quem nos visita. Parabéns a todas as entidades envolvidas, incluindo a CÂMARA MUNICIPAL DE LAMEGO.

observador disse...

Passei na Avenida na hora em que estava a decorrer uma das provas.
Meia dúzia de gatos pingados a ver.
Uma tristeza. Lamego não adere a organizações deste tipo.
Fazem-me lembrar o magusto do ano passado, a exposição do traje e outros
Lamego completamente alheio.
É nisto que a Câmara gasta o nosso dinheiro.
E corta-se o transito numa data de sítios e proibe-sa o estacionamento.
Só em Lamego...

Anónimo disse...

Mais eventos destes em Lamego?????????

Eu não passei na avenida, eu estive na avenida, e comentei com a meia dúzia de pessoas que lá estavam, que era uma vergonha, andar-se a gastar tanto dinheiro em organizações a quem ninguém liga.
É necessário plenear as coisas com a devida antecedência e não ceder só porque nos dizem mundos e fundos.
Sacrificaram-se tantos lamecenses com a proibição do estacionamento na avenida e vias circundantes, limitou-se a circulação, para quê ???
Não façam coisas em cima do joelho.
Os Lamecenses estão cada vez mais fartos destas palhaçadas.

WOLF CULTO disse...

É lógico que em Lamego há muitas pessoas, como os que me antecederam, que não apreciam eventos de carácter Nacional.Mas por estas pessoas não gostarem, não se deve deuxar de fazer eventos desta MAGNITUDE. Lamego só com estes eventos pode mudar a maneira das pessoas verem o desporto.

Não é por estarem meia dúzia de pessoas a ver os programas do prof. José Hermano Saraiva, que eu vou ver as telenovelas que estão a ser vistas por MILHÕES de IGNORANTES. É preciso saber distinguir as coisas,o evento foi bom e correu BEM, sE AS PESSOAS ADERIRAM MAIS OU MENOS, Isso certamente será analizado por quem de direito.

Quanto a mim preferi ver o DUATLO, que ir ver o Nel Monteiro ou outro PIMBA qualquer que certamente estaria a abarrotar de IGNORANTES.

Anónimo disse...

Esqueces que quem paga é o povo e esse alheia-se destes eventos que nada lhe dizem...
Falando melhor... estão a estragar o nosso dinheiro.

Anónimo disse...

Anterior, estas preocupado com o dinheiro!? Então e o 26 milhoes de divida deixada sem terem aparecido obras!? ou campeonatos de duatlo!? Não te preocupa?

Anónimo disse...

Aliás, estas provas são para as pessoas participarem, não só para verem... por isso valem a pena!

Anónimo disse...

Aos anónimos das 1:19 e 1:2O, que são a mesma pessoa, nem vale a pena dizer o nome, que já todos sabemos quem é...
É um mercenário do poder local, que até se chama ......, até rima.
Se o anterior executivo tivesse deixado uma divida de 26.000.000, vinha na lista negra ao pé da Câmara de Armamar.
Talvez para o próximo ano a divida seja, muito, muito maior. Ficamos a aguardar.
Diz ao teu presidente que mostre o resultado da auditoria, que está fechado na gavete há mais de meio ano.

WOLF disse...

Caso o "meu-amigo" não saiba a dívida da câmara já foi renegociada e BEM pelo sr. Eng. Francisco Lopes, não sendo parte dela considerada DÍVIDA, PARA ALÉM DOS VALORES DA MESMA TEREM SIDO DIMINUIDOS nessas negociações. É que este Homem VIVE LAMEGO.

olho vivo disse...

Dizem que ele é perito a negociar dividas.
Já negociou as do Pinto, do Lourenço, do Amandio, do Santos, do Betinho???
Já reparás-te que à volta do presidente só andam caloteiros?
Este homem vive mesmo Lamego!?!?!
Fazer desaparecer o Mercedes, é viver Lamego.
Recomendar aos lamecenses que bebam água imprópria para consumo, é viver Lamego.
Aumentar os vencimentos para ordenados chorudos que todos vamos ter que pagar, é viver Lamego.
Deixar sair de Lamego tantos serviços como a maternidade, o IPJ e tantos outros, é viver Lamego.
Aumentar o imposto municipal das casas (IMI), é viver Lamego.
Ficar calado com a atitude do seu vice aquando do assalto á Comissão de Protecção de Menores, é viver Lamego.
Passar um ano em tainadas e merendolas, é vivar Lamego.

Faça-se uma estátua ao XICO ESPERTO
e peça-se ao Cabral que escreva um livro em sua homenagam.

WOLF disse...

Eu vou recordar-te umas datas: Durante a campanha o ministro da saúde veio a Lamego dizer ao zézito que já não ia construir o hospital. Que fez o zézito? NADA, ainda veio dizer que o ministro lhe tinha assegurado a contrução do mesmo MENTIROSO.

IPJ- Lamego era a única cidade, não capital do distrito, do país que tinha uma delegação e o seu encerramento foi no dia 31 de Dezembro, ou seja, um mês depois da tomada de posse desta câmara.
Durante anos o IPJ solicitou à câmara de Lamego instalações que nunca apareceram( o zézito não arranjou).

IMI- caso o "meu amigo" não saiba quem faz os cálculos é AS FINANÇAS E NÃO A AUTARQUIA.

Enfim com menos de UM ANO já queriam que resolvesse tudo? CALMA ele vai resolver, mas DEVAGARINHO, porque não faz como o oitro este vai PAGANDO.