quarta-feira, abril 16, 2008

CONFLITO DE NORAS COM PS/LAMEGO CHEGOU À ESTRUTURA NACIONA DO PARTIDO

O caso do presidente da concelhia do PS de Santarém, José Miguel Noras, que mantém uma guerra com o próprio partido em Lamego, onde é vereador da câmara local, é do conhecimento do secretário nacional do PS para as autarquias e da Federação Distrital de Viseu, que critica as atitudes do dirigente político e vereador.

O presidente da distrital socialista de Viseu, José Junqueiro, disse a O MIRANTE que Noras está “a impedir a progressão política do PS em Lamego” e garantiu que a situação é do conhecimento dos responsáveis nacionais do partido.

O secretário nacional para as autarquias, Miranda Calha, diz que não se recorda do assunto mas acaba por salientar que estas questões têm “que ser tratadas a nível local e regional”, acrescentando que não pode nem deve pronunciar-se.

A retirada da confiança política a José Miguel Noras enquanto vereador pelo PS/Lamego foi comunicada a Miranda Calha, segundo garante a presidente da estrutura local dos socialistas, numa reunião em Viseu com os presidentes das concelhias do distrito e autarcas socialistas.

Um encontro onde se deu também a conhecer o que a concelhia entende ser a “colagem” de Noras e dos outros dois vereadores socialistas à coligação PSD/CDS-PP que lidera a câmara municipal.

Recorde-se que José Miguel Noras tem faltado a várias reuniões de câmara sem que peça para ser substituído e, conforme disse a O MIRANTE na edição de 3 de Abril , não pretende renunciar ao mandato antes das eleições de 2009. O que no entender de José Junqueiro significa “desrespeitar a perspectiva legítima do PS” de desenvolver a sua estratégia autárquica.

José Junqueiro, que classifica esta situação como “original”, considera que José Miguel Noras “devia olhar mais para o partido e menos para ele próprio”. “Ele não está a ser um bom amigo do PS e está a utilizar uma obsessão própria contra o PS de Lamego”, comenta o presidente da distrital de Viseu. FONTE: O MIRANTE

28 comentários:

Freedom disse...

Ouvi dizer que hoje o teatro registou uma monumental enchente...
de água.

Não tenho a certeza, mas, eu aposto 3 pessoas- o director (que ninguém sabe quem é); o tal da programa (que parece querer dar o salto para director) que évisto como um iluminado (enfim, na terra dos cegos) e a menina dos bilhetes...
Foi bom, muito bom... mesmo.

Anónimo disse...

Não é por falta de avisos sobre o que vai acontecer ao TRC que a Câmara não despacha os pseudo-directores que não têm qualquer nível, nem académico, nem profissional. Além disso não conhecem Lamego nem conseguem perceber do que Lamego precisa. É preciso uma estratégia clara e motivadora para que os lamecenses entendam o TRC como seu e não para um reduzidíssimo de pseudo-intelectuais que nunca fizeram nada na área artística e cultural. O pior de tudo é que o tempo vai passando e os lamecenses vão-se afastando eo TRC que causas legitimamente uma enorme espectativa vai ficar às moscas.
Senhores da Lamego ConVida, se não sabem, perguntem às estruturas locais que eles dir-vos-ão como deve ser gerido o nosso Teatro. Chega de Palhaçadas... já demos seis meses para que esses incompetentes percebessem o que há para ser feito. Não conseguiram nada? pois bem, temos pena.
O facto de eles continuarem à frente do TRC só está a prejudicar a imagem da Câmara e das suas "benditas" empresas onde reina a incompetência e a insensatez, constituindo-se como sorvedouros do nosso dinheiro.
Acordem de vez. Lamego merece muito melhor.

Anónimo disse...

Ora, só faltava cá este: o Noras. è apenas mais um dos estrangeiros a vir aqui mamar.
Lamego é uma cidade de estrangeiros; no passado tínhamos o Mezio que servia para omeziar os bandidos, colocando-os longe de tudo, hoje temos lamego como albergue de uma cambada que parece nunca ter tido terra para viver.
Se ao menos trouxessem algum valor acrescentado... mas não. Pelo contrário, a presença de tanto imigrante só fez com que os preços da água e do IMI disparassem para valores absurdos que nós, burros lamecenses, deixámos que estes laparotos sem eira nem beira viessem para aqui pendurar o pote.
Antigamente os romeiros só vinham uma vez por ano a Lamego.
Esta estrangeirada toda julga que os Remédios são como o Natal? Não! Os Remédios são apenas em Setembro, por isso, ponham-se a milhas.
Deixo apenas um exercício aos lamecenses: já pensaram quantas pessoas de fora estão em orgãos de chefia (daqueles que são bem remunerados) na nossa cidade?
Pois... o pior é que ainda por cima um dia estes gajos vão-nos gozar a todos por sermos tão parolos.

Anónimo disse...

Parece que já todos se esqueceram de quem trouxe para Lamego esta "Ave Rara", como outras que por cá deambularam:::::

Anónimo disse...

Não conheço os tais "artistas do TRC" mas confesso que não tenho achado a programação nada má, coerente e diversificada.
E pelo que observei no espectáculo do "Cavaleiro Andante" e não sendo o bilhete nada barato, a casa até estáva bem composta.

Se calhar seria mais útil proporem uma Agenda alternativa.....em vez de falar mal por falar

Anónimo disse...

O Dr. José Noras é uma pessoa muito competente e séria.
Não o conheço pessoalmente, mas estou a par da sua actividade enquanto vereador e posso afirmar que foi das pessoas com mais categoria que o PS teve na Câmara de Lamego.
Os Ps locias (MOutelas, Batalhas, José Antónios, Ferreiras, etc, etc) ao pé dele são meros aprendizes de feiticeiros.
Só um estaria ao seu nível: Rui Valadares.

Anónimo disse...

Anónimo das 10:41.

Se o Noras tem a competência que tu apregoas, na altura em que lhe foi retirada a confiança pela comissão politica do PS, devia, juntamente com os outros dois, ter abandonado o cargo.

Afinal, eles atraiçoaram o partido.

Logo não podem ser gente de confiança.

E notem que eu não sou do PS nem tenho nada a vêr com o partido, mas manda a ética que assim se proceda.

PERCEBO-TE disse...

O ANÓNIMO DAS 10:41 SÓ PODE SER ALGUÉM DA COLIGAÇÃO QUE (DES) GOVERNA A NOSSA CAMARA.

PUDERA... O NORAS E OS OUTROS DOIS VEREADORES DO PS, ESTÃO NA CÂMARA A FAZER O PAPEL DA COLIGAÇÃO.
POR ISSO É QUE ELES SÃO EXTRAORDINÁRIOS.

CANTAS MUITO BEM .........

Anónimo disse...

1º esse Junqueira é um profissional e crápula da política, que ao longo destes anos apenas tem sugado o país.
Qunto à demissão dos vereadores do PS, sou de opinião que fazem muito bem em continuar, porque foram eleitos por serem quem são e não por peretncerem ao PS.
Não sou da coligação. Só que o Engº Lobo, Noras e Alberto estão a pôr os interesses da cidade/concelho à frente dos interesses do PS e da intriguice política.

Anónimo disse...

Os vereadores do PS foram eleitos para defenderem os interesses do seu partido e venderam-se.
O anónimo anterior de politica percebe ... zero...
Se fossem homenzinhos, já tinham dado lugar aos suplentes.
É assim que manda a ética que esses senhores não têm.

Anónimo disse...

Está muito enganado.
Foram eleitos para servirem o povo, os lamecenses e a cidade de Lamego.
Os partidos são o veículo para esse serviço cívico.
Pois o mal ten sido esse.
Iren para a plolítica para se servirem a eles e aos partidos.
Parabéns Lobo, Noras e Alberto

Anónimo disse...

És apologista dos traidores?
É porque és igual a eles.

Anónimo disse...

Por essa razão é que és do PSD...

Anónimo disse...

Se foram eleitos é para cumprir o mandato até ao fim e mais nada, não andamos aqui a brincar, ou será que os interresses dos partidos são superiores aos dos eleitores?Sejam eles quem forem é por estas e outras que o país está como está, se não serve nas próximas eleições não tem o voto dos eleitores.Deixem lá de ser mamões se fazem o favor.

laranjada disse...

Dá-te jeito ???

Tu é que és um grande mamão.

Não admira. És do partido dos mamões.

Rina disse...

E DO ALBERTO PROFESSOR DOUTOR MESTRADO NOS CRACKS E NO JARDIM DO CAMPO??? DESSE NÃO FALAM!!!

Anónimo disse...

o ELEITOR VOTA NO PROGRAMA E NAS PESSOAS E ESTAS VENDEM-SE... O NORAS TASSE A CAGAR... O ALBERTO QUER É MAMA... NO INDE... É UMA VERGONHA ESTA CIDADE... O LOBO QUER É ESCREVER ARTIGOS PA VOZ DE LAMEGO!!
QUE TRISTEZA DE OPOSIÇÃO!!
VENDEM-SE POR NADA...
VOTEI PSD,MAS ESTAS PESSOAS DO PS ENGANARAM QUEM VOTOU PS
Ó JUNQUEIRO XAMA AGORA O SARMENTO!!!
QUE FALA?? AH
SÓ TÊM A CAMA Q FIZERAM

dois pesos...duas medidas disse...

Na edição de 3 de Abril, O MIRANTE deu a conhecer o facto de José Miguel Noras não ter a confiança política da concelhia de Lamego do PS há mais de um ano. E apesar disso não renunciar ao cargo de vereador evitando que entre para a vereação um elemento afecto à estrutura local do partido. Uma situação que contraria o que o político e potencial candidato à Câmara de Santarém nas autárquicas de 2009 defende na capital ribatejana. Recorde-se que no Verão de 2001 recusou liderar uma candidatura independente à Câmara de Santarém, de que era ainda presidente, em nome da fidelidade partidária.

Desde o início do ano e até 11 de Março, Noras só esteve presente numa sessão camarária (29 de Janeiro) em Lamego das sete que se realizaram. Mas defende a manutenção no cargo com a necessidade de “representar os eleitores e o partido”, realçando que não é seu hábito deixar os mandatos a meio (ver edição de 3 de Abril em www.omirante.pt).

Questionado sobre estas incongruências, José Miguel Noras disse então a O MIRANTE que defende “princípios autárquicos”. E acrescenta que em Lamego ajuda a “tomar as melhores decisões” e em Santarém defende “uma mudança” e está empenhado em arranjar uma alternativa para o concelho gerido pelo PSD. Justificou ainda as suas faltas às reuniões do executivo da cidade duriense com o facto de estar a dedicar-se mais ao concelho escalabitano.

Anónimo disse...

Então ???

O que faz o Sr.Noras em Lamego se o que lhe interessa é Santarém?

Porque defende uma coisa em Lamego e outra em Santarém ?

Está aí a resposta para o9s senhores do PSD que o defendem... pudera!!!

Anónimo disse...

As grandes personalidades de Lamego são naturais de outras terras (Dr. Laranjo, Dr. Jaime Correia, Sr. António Santos,etc, etc)
Bem-vindos todos aqueles que trouxeram novas ideias(Francisco Lopes, José Noras)
A maioria dos lamecenses não passa duns invejosos e más-línguas. Daí o atraso e a ultrapassagem de que a nossa terra tem sido vítima.

Anónimo disse...

E tu de onde és ???

Ou já não te lembras onde vieste ao mundo ???

Falas muito melhor estando calado.

Anónimo disse...

"As grandes personalidades de Lamego são naturais de outras terras"

Conheçes pouco, o que prova desde logo a tua ignorância...

Paciência... estudásses...

Anónimo disse...

Tu é que precisas de estudar para ver se dás menos erros. Aproveita as novas oportunidades do Sócrates...
Ai se eu fosse teu professor levavas tantas reguadas que... ao fim de muitos anos aprenderias, finalmente, a escrever.
Hum!... Cá para mim tu também és dos "notáveis" que vieram de fora. Cá em lamego não há gente assim... tão analfabeta.
Fica bem com os teus célebres estrangeiros. Aproveita e pede ao XL para te por a correr atrás do comboio dos nossos visitantes servindo de "cãoturista". Pensa nisso, era talvez a única forma de ficares... FAMOSO!

será do queijo? disse...

Questionado sobre o comportamento do presidente da concelhia de Santarém do PS, José Miguel Noras, que em Lamego exerce as funções de vereador sem a confiança política do partido, o secretário nacional dos socialistas para as autarquias, Miranda Calha, disse não se lembrar desta situação. Isto apesar da concelhia de Lamego garantir que o problema lhe foi colocado numa reunião. Será que o facto de Miranda Calha ser do Alentejo, uma região conhecida pelos famosos queijos, tem alguma coisa a ver com isto?

Anónimo disse...

Como há pessoas que ianfa acreditam nesse Noras... que compra o que quer ofrecendo comendas brasileiras... mas que vergonha, que oportunismo. Antigamente, as barbas eram sinal de respeito... agora, qualquer canalha as usa...

totodasbersas disse...

Brasil compra todos os exemplares do jornal Lamego Hoje e vai propô-lo ao Prémio Nobel da Medicina e Ciência.
José Gomes Temporão (Ministro da Saúde Brasileiro), numa visita relâmpago a Portugal, ao passar despercebido por Lamego onde quis conhecer o moderníssimo Complexo da Lameira, na favela da Ponte, deu de caras com Zé Tônho dos Cantos que andava à pesca, e este não perdeu a oportunidade de lhe oferecer um exemplar do seu jornal de campanha. “Primáriamente aindá pensei qui fosse um àtentado contrá minha pessoa, màs logo informaram qui àqueli cara ali já não fazia mal a uma mosca”, confessou o Ministro brasileiro, que só no dia seguinte se lembrou do jornaleco, quando na casa de banho do ministério reparou que não havia papel higiénico. Mal pegou no jornal reparou que nas páginas do Eurico e Desgostinho Barbeiro aquilo estava repleto de moscas-de-bicheira e mosquitos de dengue; rapidamente separou essas páginas infestadas e enrolou o resto do jornal, com o qual matou toda a bicharada à paulada. Sergio Rezende, (Ministro da ciência e tecnologia Brasileiro) explicou a Lula da Silva que aquele jornal, tendo propriedades ímpares, no que respeita a elementos de estagnação concentrada, atrai massivas quantidades de tudo que seja insecto cocófago e difusor de doenças, o que permite uma dizimação em massa num curto espaço de tempo. O Presidente Brasileiro tendo conhecimento destes factos até já elegeu o Lamego D’Ontem como arma política defendendo ter descoberto a cura para combater as 67 espécies de vírus de dengue identificadas (humanas e animais) prometendo a erradicação da praga, de toda a oposição e até dos boca-mole do próprio partido que não aguentam o cheiro daquilo. O totodasversas.blogspot sabe de fonte inquinada que o Governo Brasileiro perdeu a cabeça e vai pagar o triplo pelas páginas 12 e 13 do de todos os exemplares do nº 946 (QF.12.ABR.2008) do Lamego Hoje.

Anónimo disse...

TOTODASBERSAS...

MAIS UM QUE DESERTOU DO MANICÓMIO...

ELE ANDA À SOLTA...

CUIDADO... MUITO CUIDADO...

Anónimo disse...

TOTODASBERSAS...

MAIS UM QUE DESERTOU DO MANICÓMIO...

ELE ANDA À SOLTA...

CUIDADO... MUITO CUIDADO...